sexta-feira, 18 de novembro de 2011

A consolidação do Nazismo na USP


No dia 27 de fevereiro de 1933, o Reichstag, sede do parlamento alemão, foi incendiado sob circunstâncias misteriosas. Esse evento marcou o início do recrudescimento do governo alemão, que, desde o dia 30 de janeiro daquele ano, tinha Adolf Hitler como chanceler. A radicalização da atuação dos nacional-socialistas -- sobretudo através de sua tropa de choque, a Sturmabtleing (SA) -- conduziu à supressão progressiva das liberdades políticas e ao aumento da perseguição às vozes dissonantes. Em 2 de agosto de 1934, o presidente alemão, Paul Von Hindenburg, faleceu. Ao arrepio da Constituição de Weimar, que estabelecia eleições para o cargo, a chancelaria alemã declarou a vacância do cargo e transferiu os poderes da presidência a Adolf Hitler como Führer und Reichskanzler (“líder e chanceler”).

Quando, há alguns dias, escrevemos aqui sobre o caráter inegavelmente nazista -- modus operandi e modus pensandi perfeitamente análogos ao que se viu na Alemanha dos anos 1930 -- das invasões da USP, não estava sendo utilizada uma hipérbole descabida na busca de um efeito sensacionalista puramente retórico. Ontem, dia 17 de novembro, a verificação empírica do espírito nazista do “movimento estudantil” da Universidade de São Paulo finalmente mostrou-se de modo horrendamente apoteótico. A assembléia estudantil uspiana reunida ontem decidiu, dentre outras coisas, o adiamento das eleições do DCE para 2012 sem definição de data para o pleito. Essa decisão foi tomada de maneira ilegítima, contra o que está claramente disposto no próprio Estatuto do DCE da USP (grifos nossos):
Artigo 15° – Compete à Assembléia Geral Universitária:

1. Reconhecer os seus respectivos membros;
2. Discutir e votar as propostas apresentadas.

Parágrafo único – no que se refere às eleições da diretoria do Diretório Central dos Estudantes Livre “Alexandre Vannuchi Leme”, compete ao CCA [Conselho de Centros Acadêmicos], e não à Assembléia Geral Universitária, suas deliberações.

[...]

Artigo 19º – Compete ao CCA:

1. Encaminhar conjuntamente com a diretoria as deliberações do Congresso dos Estudantes da USP e da Assembléia Geral Universitária;
2. Deliberar acerca de teses, moções e propostas, desde que não conflitantes com as deliberações do Congresso e da Assembléia Geral Universitária;
3. Privativamente (privativo ao CCA), convocar as eleições, aprovar o Regimento Eleitoral, analisar e julgar recursos do pleito eleitoral e dar posse à chapa eleita para a diretoria do Diretório Central dos Estudantes Livre “Alexandre Vannucchi Leme”;
4. Convocar a Assembléia Geral Universitária;
5. Reconhecer as deliberações do Conselho de Assistência Estudantil.
Em qualquer lugar do mundo, só há uma palavra para descrever essa manobra política: GOLPE. A justificativa dada por Thiago Aguiar, membro da atual gestão do DCE da USP -- que, coincidentemente, é controlada pelo PSOL --, é que “não há um clima de normalidade para se fazer as eleições”. Ironicamente (ou não), essa foi a mesma justificativa dada pelo então chanceler Adolf Hitler para a progressiva eliminação dos concorrentes políticos dentro da Alemanha após o incêndio do Reichstag.


A única chapa a se declarar contra esse golpe orquestrado pela esquerdalha da universidade foi a Reação USP, chapa do movimento Liberdade USP. Todas as outras chapas, ligadas aos mais delirantes setores da extrema-esquerda tupiniquim -- LER-QI (Liga Estratégica Revolucionária - Quarta Internacional), MNN (Movimento Negação da Negação), PCO (Partido da Causa Operária), POR (Partido Operário Revolucionário) e que tais --, foram cúmplices do covarde assassinato da verdadeira democracia universitária.

A atual gestão do DCE da USP, bem como todos os movimentos que apoiaram o golpe orquestrado, representam o que há mais de pútrido e pusilânime não apenas no “movimento estudantil”, mas na própria sociedade como um todo. Seus métodos tirânicos e intolerantes são a versão pós-moderna do que os nazistas promoveram na Alemanha. Diante dessa situação vergonhosa, o Diretório Central dos Estudantes Livre “Alexandre Vannucchi Leme” provou que deveria passar a se chamar Diretório Central dos Estudantes Nacional-Socialista “Adolf Hitler”.

10 comentários:

  1. Vcs devem fazer uma rede com outras UNIVERSIDADES FEDERAIS pq a maior parte dos alunos NÃO É ESQUERDISTA, NEM SAFADO E NEM CORRUPTOS, e colocar estes REAIS FASCISTAS DA ESQUERDA -bando de vagabundos PARA CORREREM DAS UNIVERSIDADS FEDERAIS

    ResponderExcluir
  2. A maioria é contra a militancia esquerdosa, mas o que se faz em termos de uma rede social para aglutinar essa maioria silenciosa? bastam 5000 (cinco mil) pessoas e acaba essa ditadura.
    Moro em Recife e torço para que a reaçao aumente e consiga reverter esse quadro. Lembrem q na UNB ja se conseguiu. Se a USP freiar isso o resto das universidades vai atras.
    Força
    Alex Peña-Alfaro

    ResponderExcluir
  3. baxa aki e fala na cara mermao, xega ae no MNN e mi fala comigo Che-Hemp, kero ve si tu eh homi
    lei é o carario mermão
    nois é que manda naquela pora tudo da crusp tá ligado?
    tem lei naum ceu fasista di mierda
    fika kerendo coloca a galera contra nois, tá ligado?
    fika isperto mermão, nois baixa nas quebrada ai da capital tudo berrado e te alopra valeu?
    psol na veia e tu na mira, adiamo essa pora mermo e tamo nem ai pra treta, fika isperto e si liga no movimento que vamo fexa o baguio e soh vai ter elessão quando os truta tive bem na fita tá ligado?
    tu fika cum boka di siri senaum os mano dai ti derruba seu fasista di mierda!!!
    apaga ese saite si naum nois te alopra tá ligado?

    ResponderExcluir
  4. Perfeito. Essa gente não se difere em nada dos nazistas. Sempre pensei assim. Todos socialistas totalitários, uns baseados numa tosca sociologia, outros numa biologia racista.

    Tudo farinha do mesmo saco. Ler sobre os anos 20/30 da Alemanha pré-nazista ensina muito. Nazistas e comunistas eram adversários na tentativa de domínio de dominar o Estado, mas muitas e muitas vezes uniram-se para bater e perseguir os sociais democratas a quem desprezavam.

    Foram sócios durante muito tempo.
    Quem se interessar que procure no YouTube sobre o belíssimo documentário Soviet Story (que os comunas detestam) e verão como eles trabalhavam em conjunto. Exterminar adversários era a sua especialidade. Vêem como já começaram a utilizar a velha orientação: os fins justificam os meios? Nunca saíram desse ponto. Altamente previsíveis.
    Saudações
    Gutenberg.

    ResponderExcluir
  5. Mas então, que coisa de pirar. Usando e abusando do ad hitler. hahaha

    ResponderExcluir
  6. Fazer o quê? Se eles gostam tanto do bigodinho austríaco, não posso fazer nada. =P

    ResponderExcluir
  7. Turma, quem sabe o grupelho, com o precioso estudo publicado no link a seguir, auxilia o aprendizado - dos meninos de Goebbels - um pouco de história do autoritarismo e desumanidade; o papel e à quem eles estão se prestando, já autoristas sem legitimidade. O caminho que eles prentendem levar a Universidade, o Estado e a sociedade é o mesmo do führer.
    http://seer.ufrgs.br/contingentia/article/view/10173/6774#autor
    A literatura liberta, tenho fé....rsrsrs

    Marta Ribeiro

    ResponderExcluir
  8. Esquerdistas odeiam quando RElembramos que Hitler e seus camaradas eram SOCIALISTAS, daí o nome do próprio partido nazista:

    Partido Nacional-SOCIALISTA dos Trabalhadores Alemães.

    ResponderExcluir
  9. B.R.A.Z.I.L
    UM PAÍS DE FRACOS E OPRIMIDOS. TODO MUNDO FALA E NÃO FAZ NADA E ASSIM SERÁ PARA TODO O SEMPRE.
    A COMEÇAR QUE AQUELES QUE GOVERNAM ESTA "FREAKLÂNDIA" SÓ PENSAM NO PRÓPRIO UMBIGO E F** OS MISERÁVEIS. EU ODEIO VER GENTE DEFENDENDO ESTAS MALDITAS DOUTRINAS SECRETAS POIS GRANDE PARTE DOS POLÍTICOS ESTÃO LIGADOS A ELAS. TEM UM ESCROTO QUE É VEREADOR NA MINHA FAMILIA QUE FAZ PARTE E UM TIO JUIZ QUE TAMBÉM É ADEPTO.HAHAHA ELE DIZ VER ZUMBIS ¬¬ AS PESSOAS NÃO SE CONSCIENTIZARAM AINDA QUE: DESDE QUE O MUNDO É MUNDO ELE SEMPRE FOI E SEMPRE SERÁ COMANDADO PELOS MAIS FORTES E POR FORÇAS OCULTAS. E EXISTEM AQUELES QUE TRABALHAM DIA E NOITE PARA QUE ISTO AQUI VIRE UM LAGO DE ENXOFRE. NÃO SOU RELIGIOSA E SOU TOTALMENTE APOLITICO. BASTA ANALISAR OS FATOS. PARA PRODUZIR UMA CALÇA JEANS É NECESSÁRIO UM LITRO DE PESTICIDA E 25 LITROS DE PETROLEO. NO JAPÃO EXISTEM 45 MIL LOJAS QUE SERVEM ALIMENTOS 24 HORAS POR DIA E 7 DIAS DA SEMANA. SÃO JOGADOS DIARIAMENTE 4 SACOS DE 100 LITROS DE COMIDA E ISTO SE REPETE EM TODAS AS 45 MIL LOJAS. E O MUNDO AGONIZA EM FOME..IMAGINA AQUI NO BRASIL POIS NÃO TIVE ACESSO AS INFORMAÇÕES.ESTES MALDITOS PARTIDOS QUE HÁ SÉCULOS LUTAM POR UM MUNDO MELHOR O QUE PODEM FAZER? QUEM REALMENTE SE PREOCUPA COM A FOME NO SUDÃO E A SECA???? AS PESSOAS ESTÃO PREOCUPADAS COM COISAS SUPERFICIAIS HEHE FUTEBOL, BUNDAS E CARNAVAL E O CELULAR MAIS MODERNO E O CARRO MAIS POTENTE. oceanshell88@hotmail.com

    ResponderExcluir
  10. DE todos os sites estúpidos que já visitei este ganha ganha de goleada, nunca vi tantos idiotas juntos nadando contra a mare dos fatos e totalmente anacrônicos vocês não são conservadores, são atrasados

    ResponderExcluir

Antes de comentar, leia a política de comentários do blog. E lembre-se: o anonimato é, muitas vezes, o refúgio dos canalhas.